As 4 principais tendências de logística que você precisa conhecer

Redução de custos, otimização de espaços e processos, melhor controle de estoque e consequentemente um negócio mais eficiente são apenas alguns dos fatores que fazem com que os gestores devam estar sempre atentos às tendências de logística.

Queira você ou não, a forma como os produtos são distribuídos pode ter um grande impacto no que diz respeito à relação com os consumidores. Além disso, outro ponto que vale destacar é a entrada das mercadorias, ou seja, o recebimento das compras.

De qualquer modo, preparamos este artigo para apresentar as 4 principais tendências da área de logística. Se você está em busca de novas soluções para sua empresa, não deixe de ler em hipótese alguma. Confira a seguir! 

1. Entrega antecipada

Para começar, falaremos um pouco da entrega antecipada, uma tecnologia patenteada pela gigante norte-americana Amazon. Basicamente, a ideia consiste em fazer a movimentação dos produtos antes mesmo de serem adquiridos.

Nesse caso, isso será possível graças aos avanços da tecnologia no que se refere ao reconhecimento dos padrões de consumo, a exemplo do Big Data, termo baseado no armazenamento de informações. 

Para facilitar o seu entendimento, esse sistema de entrega antecipada reconhecerá as futuras ações de compra, encaminhando os determinados itens para os centros de distribuição próximos ao comprador.

Pouco se sabe ainda sobre essa abordagem, mas é fato que em breve estará sendo utilizada no mercado, especialmente nas relações empresariais. 

2. Same day delivery

Same day delivery, que em português significa “entrega no mesmo dia”, é outra tendência de logística que vem forte para os próximos anos. Embora esse conceito já esteja sendo empregado em alguns países da Europa, no Brasil isso ainda é uma dificuldade por causa de sua vasta extensão territorial.

No entanto, EUA e Canadá, países tão grandes quanto, também estão se adaptando ao same day delivery, indicando sua possibilidade de implantação no mercado interno. 

E como isso pode ser feito? Bem, não há outra saída a não ser uma rede de distribuidores bastante estruturada, e o mesmo vale para os fornecedores.

Nesse sentido, o ponto a destacar é a importância de aproximar uns dos outros, firmando parcerias sólidas que possibilitem que a entrega dos produtos ocorram no mesmo dia da compra.  

3. Logística reversa

Relacionada à reutilização e reciclagem dos materiais, a logística reversa também é uma tendência pelo simples fato de que as questões ambientais estarão cada vez mais evidentes. 

Apenas para ilustrar, tenha como exemplo as garrafas retornáveis, que passaram a ser mais utilizadas pelo consumidor final. Geralmente, é oferecido algum tipo de benefício para incentivar a compra.

4. Drones 

Sim, você não leu errado: os drones estão em alta no cenário da logística. Por mais que isso não pareça viável, saiba que esses “brinquedinhos” podem ser muito úteis para a entrega dos produtos de menor tamanho.

Nos EUA, por exemplo, os drones já foram utilizados para entregar pizzas, sendo que a Amazon, novamente, está com planos de utilizá-los para sua estratégia de entregas. 

De qualquer forma, o importante é que você esteja por dentro das novidades que estão por vir. Não se esqueça de que, para melhorar os processos da sua empresa, é preciso estar sempre em busca de novas soluções.

Esperamos que você tenha gostado deste artigo sobre as tendências de logística. Se quiser saber mais, siga e acompanhe a nossa página do Facebook